Com o objetivo de promover os mármores brasileiros, a Zucchi lançou a campanha “Brazilian Marble is the new black” (Mármore brasileiro é o novo preto, em tradução literal) . A ideia foi fazer uma paródia com a famosa expressão em inglês “THE NEW BLACK”que é usada para dizer que algo é a nova moda, a nova mania, a nova bola da vez. Ou seja, algo que agora é popular, é descrito como sendo “THE NEW BLACK”.

A expressão “THE NEW BLACK” tem origem no mundo da moda. A cor preta, é considerada uma cor que não sai de moda. É a cor de todas as estações e tendências. Porém, quando há uma mudança e outra cor acaba ficando em alta, é comum dizer algo como “green is the new black”, “white is the new black”, “pink is the new black”.

A expressão ainda ficou mais famosa após a Netflix lançar o seriado “The Orange is the black”. Quem acompanha o seriado sabe que a protagonista Piper Chapman é uma mulher bonita, rica, influente e frequentadora dos altos círculos sociais. Mas mesmo assim, ela acaba sendo presa e sentenciada há 15 meses de prisão por ter transportado dinheiro para sua namorada,  uma traficante internacional. Nos EUA, o uniforme dos presidiários é laranja (orange); portanto, Piper acaba tendo de trocar todo aquele mundo maravilhoso de uma socialite por uma uniforme laranja. Então, uma amiga envia uma foto para ela com a sentença ORANGE IS THE NEW BLACK (o macacão laranja é a nova tendência). Ou seja, uma maneira de dizer que Piper terá de se adaptar ao mundo das presidiárias.

Divulgação: Orange is the new black

O seriado da Netflix “Orange is the black” tornou a expressão “The New Black”ainda mais famosa.

 

Por quê o mármore brasileiro é o novo preto?

Sendo a pedra natural mais antiga na humanidade, utilizada desde o nascimento das primeiras civilizações ocidentais, o mármore sempre foi reconhecido pela sua nobreza e luxo. Considerada uma pedra natural que nunca saiu de moda, o mármore hoje se encontra nas mais luxuosas casas e ambientes ao redor do mundo.

Entretanto, o mármore brasileiro vem se tornando a nova moda entre as pedras naturais. Uma grata surpresa nos últimos anos, que ao contrário dos demais mármores ao redor do mundo, o brasileiro possui uma dureza mais consistente, principalmente nos mármores dolomíticos. Esse é um grande diferencial dessa pedra brasileira, pois somente no Brasil se encontram mármores com a resistência e dureza acima da média característica desse produto.

Essa dureza mais consistente, possibilitou a aplicação em ambientes que eram considerados sensíveis, como as bancadas de cozinhas, por exemplo. Segundo André Zucchi, nosso especialista de pedras naturais, o mármore tradicional possui uma porosidade muito grande, devido a sua formação calcítica. Isso sempre foi um limitador para aplicação dessa pedra em bancadas e ilhas de cozinha.  “No caso dos novos mármores brasileiros, que tem uma formação mais dolomítica, a absorção é menor e a dureza é muito maior do que um mármore tradicional, evitando assim arranhões, infiltrações e manchas, explica André.

Porém, ele alerta que a pedra continua sendo mármore, não chegando a dureza dos granitos e quartzitos. Então, até mesmi os mármores dolomíticos necessitam de atenção especial.  “Não tente deixar seu mármore dolomítico dormir com manchas de vinho e limão de um dia para o outro. Essa pedra clássica ainda precisa de uma atenção especial”, explica.

Quer conhecer mais sobre os mármores brasileiros da Zucchi? Clique aqui e acesse nosso portfólio.